quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

A vida como ela era

Descobri que eu sou um nostálgico compulsivo. Tenho uma péssima memória para coisas ruins. Às vezes, eu acho que prefiro a vida como ela era. Tenho a ilusão de que as pessoas tinham mais tempo e menos preocupações. Isso é falso, é claro.

6 comentários:

Fábio disse...

Oi estou passeando pelas paginas aqui e gostaria de aproveitar para convidar conhecer meu trabalho através do blog Ecos em www.ecosdotelecoteco.blogspot.com Grande abraço e sucesso ai para voce.. T +

franka disse...

melhor do que ter nostalgia do presente. tipo viver uma situação muito legal e no mesmo momento ter saudade dela. péssimo nostalgia do presente.

Wellington Diniz disse...

Careca, talvez você já tenha visto,mas de qualquer maneira lá vai um endereço.
http://ospassarinhos.wordpress.com
Legal a tirinha do cara.

Careca disse...

Fábio, sucesso pra você também, C V

Careca disse...

Franka, isso nunca tive. Mas às vezes me dá uma "travada", fico meio pasmo, sem fazer nada, como se estivesse fora da tomada.

Careca disse...

Véi, são boas tirinhas.Abç,

Frase do dia


Ocorreu um erro neste gadget