quinta-feira, 1 de março de 2012

Variações sobre o mesmo tema



Wolfmother - California Queen

Às vezes nós repetimos conversas. Mas só até um certo ponto, os dois são como eu, gostam de variar um pouco. Damos voltas e voltas, mas o final é sempre o mesmo.

_Qual é o bicho que você acha mais esquisito? - diz o meu filho.

_O narval. É uma espécie de baleia com um chifre de unicórnio. Vive no mar da Groenlândia. É bem esquisito, o narval - eu disse.

_Uma vez você falou que era galinha - ele disse.

_O quê que tem, galinha?

_Você disse que achava galinha um bicho bem esquisito - disse o meu filho.

_Mas galinha também é esquisito. Passa o dia ciscando, comendo coisas que a gente nem vê. Bota ovo. Canta - eu disse.

_Não, quem canta é o galo. A galinha cacareja.

_Cacarejar é uma palavra esquisita - eu disse.

_Piolho de cobra, paiê - disse a minha filha, que também queria entrar na conversa.

_Minhoca - disse o meu filho.

_Vagalume - disse a minha filha.

_Joaninha - disse o menino.

_Também acho esquisito. Mas o campeão dos campeões dos bichos esquisitos é o coelho - eu disse.

_Coelho? Mas o coelho não é esquisito.

_Ele é fofinho - disse a menina.

_Mas pensa bem. Na floresta, cheio de bicho feioso, lobo, onça, jacaré, e os coelhinhos lindinhos, fofinhos, comendo alface e cenoura, mexendo o narizinho, balançando as orelhonas. É ou não é esquisito?

_Pai, você é tão estranho! - disse o meu filho.

_É, paiê, você é esquisito!- disse a minha filha.

Nenhum comentário:

Frase do dia


Ocorreu um erro neste gadget