quinta-feira, 26 de abril de 2012

Luzes no jardim e no quintal



Bono & Edge - Stay

Esta foi uma semana dedicada à arrumação das luminárias do jardim. Foram três postes de iluminação e mais cinco luminárias de chão. Foi preciso substituir a fiação toda. Sou um péssimo eletricista, covarde e inseguro. Mas os caras estão cobrando cem pratas só para ir até a sua casa, então eu enfrento os meus medos. Na maioria das vezes só faço as coisas se desligar a chave. Como não posso interromper a energia da casa inteira, para não impedir o trabalho da Rose e também para não perder as provisões, tenho que ir para o quadro de energia. Todas as vezes que estou de frente para o quadro de disjuntores eu penso que preciso colar uma etiqueta em cada chave para não perder tempo. O problema é que para fazer isso sozinho gasto muito tempo. E sempre deixo para a próxima. Foi o que aconteceu outra vez. Apesar do tempo perdido consegui concluir na manhã de hoje os consertos da parte de trás da casa. Na parte da frente, eu só precisava colocar em ordem duas luminárias de chão. Por isso, achei que seria moleza. E realmente a troca de fios e as ligações em linha foram feitas rapidamente. Eu pensava que o mesmo interruptor do alpendre também servisse para as luminárias e por isso não me preocupei com o quadro de energia e nem em desligar a chave. No final, quase levei um choque, pois as luminárias estavam ligadas. Procurei o interruptor e não havia nenhum que desligasse as luminárias. No pequeno hall de entrada havia um ponto cego com um bôlôlô de fios pretos, vermelhos, azuis e amarelos. Como já estava escuro, precisei fazer essa parte do serviço com a ajuda de lanternas. Acreditei ter achado os fios certos e liguei um interruptor do meu estoque. A chave do disjuntor caiu e percebi que havia feito alguma coisa errada. Ainda tentei uma nova ligação com um novo interruptor, mas a chave tornou a cair. Amanhã eu resolvo. Ao mesmo tempo em que preparava as luminárias, também cuidei da nova estante do escritório. Pintei de branco três tábuas de 2,2 metros para fazer as prateleiras. Amanhã elas deverão estar secas. A idéia é só apoiá-las com cantoneiras retas na parede. Tenho um monte de cantoneiras brancas aqui em casa. Caso não fique legal, uso as tábuas para outra coisa.

No final da tarde, gosto de ficar de frente para o quintal. A grama está bem aparada, temos pés de framboesa, pitanga, manga, jabuticaba, acerola e limão. O pé de acerola está meio inclinado desde que um galho da árvore do vizinho caiu sobre ele, dias antes da minha mudança. A batata do pé de acerola está assando faz tempo, mas ainda não decidimos o que plantar no lugar. A árvore está mais inclinada que a torre de Pisa, tem bem uns 40 graus de inclinação. Aos poucos, bem poucos, estamos modelando esse lar. Há sempre muito a fazer. Isso é o que me deixa mais feliz.

Nenhum comentário:

Frase do dia


Ocorreu um erro neste gadget